Radio Sátão 89.9 FM

Radio Sátão 89.9 FM, Radio Radio Sátão 89.9 FM ouvir rádios online grátis Radio Sátão 89.9 FM Portuga


Adicione ao seu site.

Quem vai pegá-lo? Mestre Rino. O que há de errado? Olá. Gente. Não adivinham quem apareceu nem em um milhão de anos. Adivinhem! Seu pai! Como adivinharam? Esperem. É claro. Somos iguaizinhos. Dê oi a meus amigos. Louva-a-Deus, Tigresa, Macaco, Garça e Víbora. É Víbora? Macaco, senhor. São meus melhores amigos. E esse radio Esse é Mestre Shifu. Lendário! É uma honra conhecê-lo, Mestre Panda. Talvez seu pai queira se juntar a nós no treinamento. Seu filho dará a aula. Ele está cansado. Garanto que está cansado. Ele está. Vou levá-lo à Suíte Crisântemo. O quê? Cansado? Estou bem. Adoraria vê-lo dar aula. Acredite, vai ser melhor só me ver radio Lutar! O que é? O Vale está sob ataque. Filho? Sob ataque? É perfeito! Agora verá o que é ser o Dragão Guerreiro! Venha! Inimigos da justiça, se preparem pra guerra! Tá brincando comigo? Qual é a desses caras verdes? Zumbis de jade. Zumbis de jade? Jumbis! Verde! Lótus, cuidado! Tudo bem, pai! Faço isso todo dia! Reconheço esses caras. Mestres Castores Gêmeos, com o Golpe Gongo Duplo Esmagador! Esse mesmo! Aquele é radio Não! Mestre Porco-Espinho! Pensei que tivesse morrido. São lendários! Faz um retrato da gente. Conseguiu? Eu pisquei. Dá pra fazer outro? Estrangulado por Mestre Porco-Espinho. Muito legal! Olhe! É você! Po, concentração! “Mensagem do universo”. Vou te mostrar a mensagem do universo. Fique longe do meu filho! Desculpe. Arrumo depois. Minha panela boa, não! Tome esta. Lótus, cuidado! Pai, os Pastéis da Perdição! Pegamos. Já vi você. Seu chi logo será meu. Ele falou comigo? Qual? Todos falam. Tem razão. É assustador. Vamos falar também. Talvez os assuste. Vamos pensar no que dizer. Senão, não assusta. É só bobeira. Eles não falam, seus idiotas! Eu falo através deles. Kai! Quem? O.K. Já chega. Viram? O que foi? A fumaça verde fez puf! E depois puf! Shifu, que foi aquilo? Kai radio Kai radio Kai radio Não, nunca ouvi falar. Kai radio Kai radio Onde está? Há tanto saber aqui que não acho nada. Vejam. Todas as respostas estão aqui dentro. O quê? Em branco? Tá brincando? De novo, não. Esperem. Desculpem. Agora, sim! É a letra do Oogway. Há muito tempo, eu tive um irmão radio Oogway tinha irmão? De armas. De armas. Desculpem. Diz “irmão de armas”. Desenrole tudo de uma vez. Eu era um jovem guerreiro ambicioso liderando um exército. Lutando a meu lado estava Kai, meu melhor amigo. Um dia, fomos emboscados. Fui gravemente ferido. Meu amigo me carregou por dias procurando ajuda. Até chegarmos a uma vila secreta no alto das montanhas. Um antigo lugar de cura. Uma vila de pandas. Pandas? É, pandas. Pandas que usaram o poder do chi pra me curar. Eles me ensinaram a doar o chi. Mas Kai quis o poder todo para si mesmo. Ele percebeu que o que era doado também podia ser tomado. Eu tive de detê-lo. Nossa batalha fez a terra tremer até que, finalmente, eu bani Kai pro reino dos espíritos. Caso ele retorne ao reino dos mortais, ele só pode ser detido por um verdadeiro mestre do chi. Verdadeiro mestre do chi? Como você! Eu? Mal faço uma flor se abrir! Preciso de, no mínimo, mais anos e uma caverna. Precisamos de um mestre. Ele continuará roubando chi dos mestres até ter consumido todos. Nós o deteremos! Ele fica mais poderoso a cada mestre derrotado. Não temos opção. Lutaremos. Posso ensiná-lo, filho. Pode me ensinar? É claro. Sou um panda. Deve ser por isso que o universo o enviou! O que preciso fazer? Precisa ir pra casa comigo. O quê? Pra vila secreta? Sim, filho. Precisa redescobrir o que é ser um panda. Precisa aprender a viver como um panda, dormir como um panda, comer como um panda. Aqueles pasteizinhos? Foram só aquecimento. Sempre achei que não comia tudo que podia. Não pode tirar Po de mim. Não, não. Quero uma segunda opinião. Shifu, abra outro pergaminho. Acho que deve ir. Uma terceira opinião. Macaco? Víbora? Tigresa? Ouviu o que Shifu disse que Oogway disse. O cara só pode ser detido por um mestre do chi. Só serei mestre do chi sabendo quem sou de verdade. Eu sou um panda. Vou preparar um lanche pra viagem. Será que o Po vira mestre do chi a tempo? Não importa o que penso. Só importa o que o universo pensa. É um “não”? Mestre, o que faremos? Você vai descobrir onde Kai está. Siga a trilha das criaturas. Mas não lute, pois a cada inimigo enfrentado, Kai fica mais forte. Por que eu? Só porque perguntei? Não. Porque pode voar. Vá! Devia ter ficado de bico fechado. E leve Louva-a-Deus. É por que eu radio Sim. Pausa pro almoço! Não precisa perguntar duas vezes. Pai? Sim? Pai? Sim? O que faz aqui? O que faço? Arrumo dor nas costas. Tinha de pisar em cada pedra? Não, por que veio? Queria que eu fizesse o quê? E se não tiverem a comida de que gosta? Não conseguirá salvar o mundo de estômago vazio. Considero vital minha presença pra missão. Falando nisso radio Não podemos mostrar a localização da vila a estranhos. Acha que não sei guardar segredo? Criei o Po anos antes de contar a ele que era adotado. É sério? Seria cruel fazê-lo voar de volta. Sabe voar? Sou uma ave, Po. Chegamos. Parece um longo caminho acima. Meu filho detesta escadas. Vamos pra casa. Somos pandas.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *