Rádio Motard FM

Rádio Motard FM ouvir rádios online grátis qualidade e transmissão ininterrupta. Portuga

Cada uma delas espera por trás das portas à sua frente. Se não escolher, será lançado ao Mathmos. Não há apelação. Próxima solução. Próxima solução. É melhor arriscarmos. Espere! Muito obrigada. Você deve vir comigo. Qual é o seu nome? O que faz na vida? Eu sou o Zelador do Grande Tirano. Agradeço-lhe por sua precisão. Não fui eu. Isto foi ordenado pelo Grande Tirano. Entendi. O que é aquela coisa horrível debaixo do chão? É Mathmos, minha criança. Mathmos? Você é mesmo da Terra. Você não entende. Não. Mathmos Toda a cidade foi construída sobre um lago. Um lago muito curioso composto de energia viva, como eu e você mas energia sob forma líquida. E ele nos observa. Ele é magnético. Tendo carga positiva, alimenta-se de vibrações psíquicas negativas. Aquilo que você chamaria de “mal”. Ele vive de más ações e pensamentos, e de carne. Em troca, ele nos dá calor, luz e a própria vida. Mas tem um apetite terrível. Talvez vá ver isso noutra hora. Pygar! Pygar! Não se preocupe. Você vai vê-lo muito em breve. Agora, se puder me acompanhar. Aqui, sente-se. Receio que terá de fazer o que eu digo. Ali, sente-se. Para a frente por favor. Oh, Moxys O quê? Veja, Moxys. A terráquea. Pegue-a. Pegue-a agora. O Zelador não vai deixar. Sempre estraga nossa diversão. Mas tentaremos. Brinque conosco, terráquea. Você tem de brincar conosco. Temos um monte de bonecas. Meu Deus, o que elas fazem aqui? Stomoxys e Glossina são sobrinhas do Grande Tirano. São altamente favorecidas na nossa corte. Por quê não conosco? Isso não é justo. Primeiro o Grande Tirano, crianças. Nós a vimos primeiro. Sejam boazinhas, garotas. Stomoxys, Glossina venham cá. Então, minha belezoca, nos encontramos de novo. Você! A rapariguinha de um olho só. Você tem uma boa memória, Belezoca. Às vezes eu gosto de me misturar com meu povo ser como eles. Ordinária. Má, como vocês dizem. Então, sou a sua rapariguinha de um olho só. E sou também o Grande Tirano. Bem, isso é legal. E me diverte imensamente. Agora, você quer informação privilegiada sobre um certo homem, não é? Sim, estou aqui por ordem do presidente da República da Terra. Estou aqui para encontrar Duran Duran. Não me refiro a ele, mas ao anjo! Pygar? Sim, Pygar. Ele escapou do labirinto. Crime! Ele destruiu dos meus Guardas Negros. Crime! E ele ousou me privar de um prazer único em Sogo uma terráquea. Crime! Crime! Onde está Pygar?. Você quer o seu amigo emplumado? Ali está ele. Pygar! Divertido, não é, Belezoca? Não sente vontade de brincar? Belezoca pode brincar conosco se quiser. Sim, porque não! Bom, Belezoca. O Mathmos já está fazendo efeito em você. São os vapores. Fazem você querer brincar. Descrucifiquem o anjo! O quê? Descrucifique-o ou derreterei seu rosto! Meu rosto! Meu belo rosto Pare ou eu atiro. Pare! Meu rosto! Eu te avisei. Como ousa pôr meu rosto em perigo! Observe a fivela energética, Sua Majestade. Exaurida. Esta arma é tão inofensiva quanto um brinquedo de criança. Então, foi um truque, não foi? Deveria ter guardado seus truques para Para os pássaros, Sua Majestade? Sim, os pássaros. Os pássaros. Aos pássaros com ela. Você deve Diga-me, minha extravagante aberração emplumada. No que pensa quando faz amor com Barbarella? Fazer amor? Não compreendo. Não banque o tímido. Não está em condições de fazê-lo. Se você tivesse ao menos um olho, veria a delícia que sou. Meu rosto, meu corpo. Sou toda gostosa. Uma delícia requintada. O que você quer? Compartilharei minhas delícias contigo. Você fará amor comigo. Um anjo não faz amor. Um anjo é amor. Então você vai pra vala. Guardas! Para o Mathmos com esse biruta alado. Vamos entre. Oh, que fofo. Ai Socorro! Socorro! Este é um modo realmente poético de morrer. Senha, depressa. Não compreendo. Você é uma prisioneira política? Eu acho que não. Você não é uma de nós? Eu sou da Terra. Terra? Planeta das Revoluções. Vai se juntar à nossa causa? Que causa? Quem é você? Eu sou Dildano, chefe das Forças Revolucionárias. Esta é a nossa base. Vida longa à Revolução! À Revolução! Relatório da patrulha. Segundo nível imediatamente Não, pegue a passagem secreta. A porta! Você é uma terráquea típica? Sou bem mediana. Como saí da gaiola dos pássaros? Através de uma passagem secreta. Criamos passagens secretas por toda a cidade. São para proteção do nosso grupo. Percebe que salvou minha vida? Uma vida sem causa não faz sentido. Estou certa de que meu governo o recompensará. Terráquea, posso lhe dizer do que eu gostaria? Acho que já sei. Não! Desse jeito não. Como na Terra a pílula. Eu tenho a pílula! Mas Não podíamos fazer do seu jeito? Não quero mudar suas tradições. Não sou um selvagem. A pílula. Certo. Esperei cinco anos por essa experiência. Espere! Vida longa à Revolução! Meu grupo tem Olá! Desculpe! Meu grupo tem de ter mais Onde conseguiu aquelas pílulas? Somente terráqueos sabem delas. Você aí alguma novidade? Meu grupo tem de ter mais armas antes que possamos fazer um ataque. Voltem às posições. Aguardem ordens. Certo. Receberá suas ordens! Vida longa à Revolução! A porta a porta porta! Tem de me dizer! Alguém da Terra lhe deu aquelas pílulas? Um homem chamado Duran Duran?



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *